Para ampliar acesso a serviço no SUS, governo Brasileiro investe 99 milhões de reais

0

Atualmente o Brasil conta com 2.661 Centros de Atenção Psicossocial (Caps) que funcionam em 1.790 municípios. E para ampliar e qualificar esses centros, o Ministério da Saúde disponibilizou cerca de 99 milhões de reais, esse investimento tem como objetivo reforçar os cuidados da saúde mental durante a crise pandêmica do COVID19.

O secretário de Atenção Primária a Saúde, Raphael Parente, reforça: “É por meio dos Centros de Atenção Psicossocial que as pessoas em sofrimento ou transtorno mental e com necessidades decorrentes do uso de álcool e outras drogas são acolhidas pelo Sistema Único de Saúde (SUS). A relevância desses serviços para a saúde pública se acentuou pelo cenário de combate ao coronavírus. Por isso, reiteramos nosso comprometimento com as atividades essenciais da assistência à saúde mental”.

Neste ano o Ministério da Saúde repassou cerca de 650 milhões para a aquisição de medicamentos do Componente Básico da Assistência Farmacêutica utilizados no âmbito da saúde mental, além da criação de novos serviços da Rede de Atenção Psicossocial (Raps), investindo 1,5 bilhões de reais em virtude dos impactos causados pelo COVID19.

A Raps conta com 791 Residências Terapêuticas; 68 Unidades de Acolhimento (adulto e infantojuvenil); 1.785 leitos de saúde mental em hospitais gerais; 13.851 leitos em hospitais psiquiátricos, 50 equipes profissionais de atenção especializada em saúde mental, além de 144 Consultórios de Rua.

 

 

Fonte: Ministério da Saúde

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui