17.8 C
Patrocínio
quarta-feira 19 janeiro 2022
- Publicidade -
- Publicidade -
Início Notícias Mãe e filho eram mantidos em cárcere privado e torturados; O autor...

Mãe e filho eram mantidos em cárcere privado e torturados; O autor dos crimes era o companheiro

A Polícia Civil da Delegacia da Mulher de Praia Grande, em São Paulo, prendeu um homem de 29 anos após manter em cárcere privado a sua mulher de 18 anos e o filho dela, de dois anos. A mãe e a criança estavam presas em uma edícula pequena, sem higiene e alimentação adequadas.

Segundo os policiais, a mulher sofria constantes tortura, ameaças e agressões.

Uma denúncia anônima foi o que desencadeou a investigação do caso. De acordo com a denúncia, uma mulher estaria sendo mantida presa e estava desesperada pedindo por ajuda, e assim chamou a atenção de vizinhos.

Após a denúncia, os guardas fizeram patrulhamento no Bairro Trevo, indicado pelo denunciante. No local, viram uma mulher, que não quis se identificar, porém mostrou  uma residência no mesmo lote.

Vítima era mantida em cárcere privado em Praia Grande, SP — Foto: Divulgação/GCM

 Divulgação/GCM

Os guardas então acionaram o Conselho Tutelar, a assistência social e a Polícia Civil. Em seguida, libertaram as vítimas. A vítima e seu filho foram encaminhados ao Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) e ficaram aos cuidados de uma assistente social.

O suspeito foi à residência, procurando por sua esposa. Ele foi abordado pela equipe e qualificado, sendo conduzido até a Delegacia da Mulher à pedido da delegada, para prestar depoimento. O autor foi liberado, mas devolveu toda a documentação pessoal da vítima, que foi repassada a assistente social que está assistindo o caso.

Em seguida, a delegada pediu pela prisão temporária do homem e decretação de medida protetiva de urgência, ambas cumpridas pelo Poder Judiciário.

Sendo assim, a Polícia Civil  cumpriu mandato de prisão contra o suspeito. De acordo com os policiais, o homem responderá pelos crimes violência doméstica, sequestro e cárcere privado, ameaça e lesão corporal.

GCM libertou vítimas após receber denúncia anônima em Praia Grande, SP — Foto: Divulgação/GCM

 Divulgação/GCM

Com informações: G1

- Julinho Pinturas -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

-Onnet Telecom -

ULTIMAS NOTÍCIAS

OUTRAS NOTÍCIAS

Brasileiro: Bragantino tem noite perfeita e goleia líder São Paulo

Noite de sonho para o Red Bull Bragantino e de pesadelo para o São Paulo. Nesta quarta-feira (6), o Massa Bruta não tomou conhecimento...

Mulher do tráfico é presa no bairro Enéas com grande quantidade...

23-10-2020, por volta 21h03min, durante patrulhamento na Avenida Odir Aleixo, Bairro Enéas, as equipes de militares visualizaram uma condutora em um motocicleta Honda Biz...

ULTIMAS NOTÍCIAS

- Julinho Pinturas -
- Vital Gás -
- Escola Solução -
- Luciana Santos Estética -
- Funerária Nova Aliança -
- Cantina do Leitão -
- Academia Bella Forma -
- Criativa Móveis -

TEMPO / CLIMA

Patrocínio
nublado
17.8 ° C
17.8 °
17.8 °
87 %
1.5kmh
100 %
qua
27 °
qui
26 °
sex
28 °
sáb
27 °
dom
28 °
× Alô!!! PTC NEWS!